Pular para o conteúdo principal

Como organizar arquivos e referências bibliográficas


SIM, eu vou compartilhar a minha experiência! Graduação, mestrado e doutorado é um caminho longo e que requer uma certa organização para você tirar o melhor desse mar de arquivos.

Na verdade, seja na vida acadêmica, seja nos bastidores de uma plataforma digital, seja por assuntos profissionais ou pessoais, conseguir se organizar nisso vai fazer toda a diferença na sua produção. Acontece que organização é muito individual. Cada um se acha na sua bagunça. Mas o problema é quando nem você tá se achando nela. E isso é muito comum!

Então, falando de arquivos digitais, vou tentar ajudar baseado numa experiência que tem dado bem certo nos últimos anos. Ou seja, experiência pessoal. Nada científico.

ORGANIZAR arquivos digitais requer 2 hábitos:
1. PASTAS: que seja 1 ou 10, mas que você se entenda nela(s). Nada de baixar e deixar espalhado pela Área de Trabalho ou na pasta Download.
2. Renomear! "untiltled doc" ou "nihms45798" não vão te ajudar nunca. Então, você precisa na hora de baixar o arquivo, renomear e direcioná-lo para a pasta que criou.

Você pode ter 1 ou 10 pastas no seu computador para armazenar seus arquivos. Isso vai de acordo com sua organização. Eu, por algum acaso planetário, sou a louca das pastas. Tenho pastas e subpastas pra tudo. Por exemplo, dentro da pasta Doutorado, existem as pastas:
-Semestre1
-Semestre2 ...etc.
-Experimento
-Leitura não-científica
-Imagens
eeee a pasta
-Referências

Na pasta com o nome "Referências" eu subdivido por assuntos, criando subpastas. E isso funciona muito bem pra mim. "Mas outro problema que muitas pessoas têm é criar várias pastas no computador sobre coisas parecidas e no final não saber qual é qual. O risco de você jogar fora uma pasta com coisas importantes é muito grande. Preze pelo bom senso e sempre que houver pastas com arquivos sobre o mesmo assunto, coloque em uma só ou crie subpastas dentro dela." - Blog Riotron

Por isso, se você é do tipo *arquivo solto na área de trabalho*, é provável que se ache melhor com poucas pastas. 
✔Com pastas bem divididas você se protege ainda daquele típico problema "perdi tudo do meu computador". Pois, se precisar formatar repentinamente você grita: faz back up da pasta tal tal e tal.
...

ÓTIMO, você já se organizou nas pastas e onde vai guardar suas coisas no computador. Agora só precisa dar nomes aos bois.

Então, eu tenho duas formas de nomear um artigo científico:
1°. Nome do autor, ano. Título.
Uso desde sempre! Funciona muito bem porque organiza automaticamente por ordem alfabética; fica fácil de encontrar no momento da citação, principalmente se for ABNT (autor, data); e, facilita quando os artigos são da mesma autoria.

Ou
2°.Ano.Autor.Título.
Essa segunda forma funciona muito bem quando precisamos de artigos para atualizar o referencial teórico ou discustir os resultados , por exemplo. Então, minha busca fica visualmente facilitada por ano.

O importante aqui é ter padrão. Use o mesmo sempre, pelo menos dentro da mesma pasta!
Pronto! E aí, esse fala-fala ajudou ou atrapalhou?
Me conta e vamos compartilhando ideias pra salvar nossas vidas!

Comentários